Disabled Models...because disabled person are also beautiful
Disabled Models…because disabled person are also beautiful

 

Samanta Almeida Bullock was born in Osório, Rio Grande do Sul, Brazil, and is currently living in London, United Kingdom. Apart from playing wheelchair tennis, she also does various works as a catwalk and photograph model. She is one of the faces for WeAdapt (a Portuguese company that produces clothes thinking about the well-being and life-quality of the disabled person with both a FashionMe and a BodyMe proposal). Actually, Samanta was already modelling before she was shot at the age of fourteen – fact that put her in the wheelchair. Therefore, both tennis and modelling were retaken later in her life.
Many people dream about being a model. Not too long ago a modelling career would have been unthinkable for someone in a wheelchair. Despite the fact that people still see the wheelchair negatively, due to brave and confident people like Samanta, this scenery is gradually changing, as she explains “As a wheelchair model, I am subject to exactly the same demands that other models are. In other words, I have to discipline my diet, be active and count calories just like any other model; and of course, I have to look after my appearance”.
We have already had a few fashion show initiatives with the presence of disabled people, like the Bela à Vista show in Recife with the participation of fifteen visually impaired models. São Paulo has hosted the Concurso de Moda Inclusiva (Contest of Inclusive Fashion) twice, which awarded the best looks created by young stylists shown by models with different types of disability. Another show took place in the Salão Negro (Black Ballroom) at the National Congress in the National Senate, as part of the VI Week of Appreciation of the Disabled Person.

 
Samanta Almeida Bullock, nasceu em Osório no Rio Grande do Sul e atualmente mora em Londres, na Inglaterra. Atleta de Tênis em cadeira de rodas, também atua como modelo desfilando e sendo fotografada para diversos trabalhos. É uma das garotas propaganda da We Adapt, uma empresa Portuguesa que produz roupas pensando em proporcionar bem-estar e qualidade de vida às pessoas com deficiência através das suas propostas FashionMe (Casual e “Alta Costura”) e BodyMe. Na verdade, Samanta já modelava e jogava tênis antes de levar um tiro aos 14 anos de idade, que a deixou em cadeira de rodas, então ambas as atividades foram uma retomada de sua vida. … Muitas pessoas sonham em ser modelo. Não muito tempo atrás, uma carreira de modelagem teria sido completamente impensável para cadeirantes. No entanto, graças pessoas corajosas e confiantes como Samanta é que, a percepção negativa dos cadeirantes, que infelizmente ainda existe em nossa sociedade, está mudando gradualmente, como ela explica: “Como modelo, eu estou sujeita a exatamente as mesmas exigências como todas as outras modelos. Em outras palavras, eu tenho que ser muito disciplinada no que diz respeito a minha dieta, tenho que ser ativa, tenho que contar calorias assim como outras modelos e, claro, eu tenho que cuidar da minha aparência.”No Brasil, já tivemos algumas iniciativas de desfile onde havia a participação de pessoas com deficiência como o desfile “Bela à Vista” que aconteceu em Recife, e teve a participação de 15 modelos com deficiência visual. O Concurso de Moda Inclusiva para pessoas com deficiência, que já aconteceu duas vezes em São Paulo, premiou os melhores looks, criados por jovens estilistas, e que foram mostrados através de um desfile com pessoas de diferentes tipos de deficiência. Um outro desfile invadiu o Salão Negro do Congresso Nacional no Senado Federal em Brasília, fazendo parte da VI Semana de Valorização da Pessoa com Deficiência.Superar deficiências físicas e mergulhar no trabalho de modelo é o que afotógrafa Kica de Castro, proporciona a jovens que sofrem com o preconceito. Ela montou uma agência de modelos para trabalhar com pessoas que tenham algum tipo de deficiência física depois de trabalhar num hospital e centro de reabilitação. “Em 2002 aceitei o convite para fazer fotos científicas em um hospital e centro de reabilitação para pessoas com deficiência física”, contou. …

Fonte Parcial: www.turismoadaptado.wordpress.com

Disabled Model … because disabled people are also beautiful. Modelos com Deficiência. Porque a pessoa com deficiência também é bela.
Tagged on:                                                                     

Deixe seu comentário e me ajude a divulgar no Facebook! Obrigada minha gente!!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *